RELATÓRIO DE ATIVIDADES
Projeto Financiado pelo INR
Programa Nacional de Financiamento a projetos Férias e diversão – área prioritária C capalogo

Colónia de férias

29/7/2019

2/8/2019

Uma semana de férias com fruição de bens de lazer e de convívio; descanso dos cuidadores; Participação no planeamento, implementação e avaliação da atividade pelos clientes e familiares

O Projeto Férias e Diversão, uma semana de férias na Quinta da Fonte Quenta, na Tocha, permitiu a concretização da Convenção dos Direitos das Pessoas com Deficiência para 15 clientes, de forma abrangente, e para cerca de 35 clientes de forma mais específica decorrente da participação no planeamento da Cerciespinho (todos os clientes dos grupos de autorrepresentantes) e na atividade de colónia (15 clientes). Salientamos que a participação no planeamento incluiu reuniões, discussão e apresentação da proposta desta atividade bem como na definição dos critérios de seleção dos clientes a integrar o grupo em cada ano. Desta forma o grupo alargado participou na definição e avaliação e o grupo mais restrito participou na implementação.

A colónia de férias proporcionou uma semana de férias a 15 jovens e adultos com deficiência, facilitando o acesso a bens de lazer, nomeadamente a atividades como ir à praia, jogos, piscina, passeios, visitas, discoteca, conhecimento e interação de novas pessoas e convívio entre colegas, vertentes fundamentais e que a maior parte não tem acesso, considerando os baixos rendimentos e o envelhecimento dos progenitores. O projeto permitiu ainda, uma semana de descanso para os familiares e significativos, reduzindo o cansaço e permitindo a realização de atividades que, de outra forma, não tem oportunidade para realizar.

A divulgação foi feita por etapas e por destinatários. Na 1ª etapa – divulgação e preparação do projeto, foi divulgado aos clientes na reunião do grupo de autorrepresentantes, tendo sido os clientes informados do projeto, debatido critérios de seleção e definido a base para a participação. Foi igualmente apresentada a informação aos colaboradores e debatido o modelo de seleção, critérios e condições. Foi divulgado às famílias o projeto e pedida a autorização de participação dos clientes selecionados. Na 2ª etapa – disseminação da implementação do projeto foi divulgada informação às famílias e aos técnicos e restantes colaboradores, decorrente da experiência, das competências identificadas em alguns clientes e a disseminar no serviço e à família. Acresce a 3ª fase – avaliação da satisfação e disseminação da informação quer internamente (reuniões, informação afixada) quer externamente (no site e facebook).

Impacto/Resultados

Este projeto teve impactos muito significativos nos clientes e nas famílias, patentes na taxa de satisfação dos clientes de 98% e de 99% nas famílias. 100% dos clientes inquiridos estão muito satisfeitos com as atividades, com o apoio dos responsáveis e com o facto de estarem com os amigos durante uma semana e passarem algum tempo fora de casa. As atividades mais satisfatórias para os clientes foram os passeios, seguidos da praia e piscina. Relativamente aos familiares 96% sente que a colónia faz diferença na sua vida enquanto cuidador e 100% estão muito satisfeitos com os responsáveis do grupo.

Globalmente é possível identificar uma ação representativa do empowerment dos 35 clientes dos grupos de autorrepresentantes, com impacto na qualidade de vida dos mesmos, com a promoção de acesso a férias para 15 clientes, convívio num contexto diferente acrescido da redução do cansaço e do burn-out dos 15 cuidadores. O quadro que se segue identifica os resultados por objetivo:

Objetivos

Indicadores

Metas

Taxa de execução

Proporcionar uma semana de férias a 15 clientes, reduzindo o esgotamento a 15 famílias

N.º de clientes

Taxa de satisfação dos clientes

Taxa de satisfação das famílias

N.º de atividades usufruídas

15

90%

100%

 

109%

Assegurar o acesso e fruição de bens de lazer a 15 pessoas com deficiência intelectual

6

 

133%

Concretizar uma proposta representativa de empowerment, dos grupos de autorrepresentantes da Cerciespinho, valorizando a sua participação e escolha

N.º reuniões

Questionário avaliação da satisfação

 

4

2

 

Estadia

 Cerci IMG 20190731 225047

 Cerci IMG 20190731 225055

Piscina

 Cerci IMG 20190729 161141  Cerci IMG 20190729 155334

Praia da Tocha

 Cerci IMG 20190730 161354  Cerci IMG 20190731 115037

Discoteca

 Cerci IMG 20190731 211154 Cerci IMG 20190731 211300 

Passeio à praia de Mira /Caminhadas

Cerci IMG 20190730 100620

Jogos : mini-golf, bilhar, jogos de mesa

 Cerci IMG 20190729 155328  Cerci IMG 20190730 172300
  Cerci IMG 20190730 163216

Ida à Expofacic

Cerci IMG 20190730 215006

Ida à praia fluvial de Olhos de Fervença

 Cerci IMG 20190801 110009 Cerci IMG 20190731 160503 

A avaliação do projeto baseou-se nas metas definidas me candidatura e foi implementada através da informação de seleção dos participantes, na escolha dos clientes de participarem, na informação às famílias, no registo de participantes, registo fotográfico das atividades e questionário de avaliação da satisfação aplicado a 10 clientes e 10 familiares.

Os resultados principais foram aferidos em função das metas definidas em candidatura. Assim, cumpriu-se em 100% o número de participantes cuja meta era de 15 clientes, considerando o número de pessoas que beneficiaram da semana de férias na Tocha; A taxa de satisfação teve uma execução de 108% dado que a meta definida era de 90% e a satisfação medida apresentou valores de 98% para os clientes e de 99% para os familiares; A taxa de execução do número de atividade foi de 133% uma vez que a meta correspondia a 6 atividades e foram proporcionadas 8 atividades distintas – piscina, praia da Tocha, discoteca, passeio à praia de Mira, Caminhadas, Jogos (mini-golfe; bilhar, jogos de mesa), Passeio à Expofacic e ida à praia fluvial de Olhos de fervença. O número de monitores correspondeu ao previsto (3 monitores).

Acresce a dinâmica de participação na tomada de decisão e no planeamento da colónia de férias, que contou com 35 clientes e 15 famílias, aspeto não previsto em candidatura e que representou uma participação no planeamento da organização e do serviço de forma alargada e inclusiva.

1

2

3

A inovação central do projeto Férias e Diversão centra-se no sistema de participação no planeamento, implementação e avaliação da atividade, enquadrado no planeamento da Cerciespinho, concretizando múltiplos direitos dos clientes, nomeadamente o direito a ser informado, a decidir sobre a sua vida, a participar nas decisões de funcionamento do serviço em que estão integrados bem como a decisão de participarem nas atividades que propomos.

Colónia de férias – CAO - Tocha

23/10/2019     

P’ O Conselho de Administração
(Dra. Rosa Couto)  

premios
 facebook  youtube

donativos

Cerciespinho
Cavi - Horizontes
Centro Comunitário